Geny Moreira fala de sua trajetória, do estilo afro e da origem BW Studium em RO

A matriarca de um dos mais conceituados hairstyle da atualidade e cofundadora do salão BlackWhite, atualmente conhecido por BW Studium, revela à trajetória de sucesso com os filhos e o visual afro descendente na cabeça dos brancos e das pessoas que deram origem ao estilo, os negros.

A cabeleireira profissional Geny Moreira, mãe do hairstyle Eliabe Moreira e do seu irmão Natã Moreira, ambos representantes da multinacional italiana Alfaparf na América Latina e na Capital Porto Velho (RO), se tornou referência na sua área ao perceber que deveria produzir todos os visuais de cabelos e especialmente o da sua origem, o cabelo afro.

Geny Moreira se tornou especialista no que faz por amar os trabalhos com cabelo e inciou sua paixão aos 12 anos de idade. Passado-se alguns anos Geny formou família e abriu um salão em sua terra Natal, Campo Grande (MS). Um certo dia uma jovem foi ao salão e perguntou-lhe se sabia criar penteados com tranças no estilo afro descendente.

Na época, por necessidade de criar novos looks com o visual afro em Mato Grosso do Sul, Geny Moreira se deslocou à Capital Rio de Janeiro (RJ) para buscar conhecimento na área e oferecer novos visuais aos seus clientes.

Na cidade maravilhosa Geny Moreira conheceu um salão em Copacabana especializado no estilo afro, investiu na carreira profissional e participou de vários cursos para obter conhecimento e por em prática no seu negócio. Após aprender o novo estilo Geny Moreira teve a oportunidade de conhecer e trabalhar com cabelos de várias personalidades tais como: Gilberto Gil, Alcione, e Zezé Mota que após realizar vários penteados se tornou amiga pessoal da celebridade. Geny Moreira também produziu várias vezes o cabelo da cantora, atriz e filha do sambista Martinho da Vila, Mart’nália.

Preconceito e Racismo

Antes de conhecer e trabalhar com personalidades da nação brasileira, Geny Moreira também foi vítima do racismo na sua juventude. A idealizadora do BW Studium estudou em colégio de freira e sofreu com o preconceito e o racismo, fatores primordiais que levaram Geny a se especializar no estilo afro e fazer história na sua vida e carreira profissional, com sucesso obtido realizou penteados nas maiores celebridades negras da Nação.

Após conhecer e fazer os cabelos das figuras ilustres do país, Geny Moreira conquistou vários prêmios em campeonatos e tornou-se uma referência em seu Estado, o que levou a conhecer todas as cidades do Mato Grasso do Sul ao realizar cursos especializados na área. Geny Moreira tentou trabalhar em outras produções mas não conseguiu deixar o que motivou a vencer o preconceito e o racismo.

Origem do nome “BlackWithe”

Com residência fixa em Rondônia, Geny abriu um salão na Avenida Carlos Gomes e percebeu que uma vizinha tinha o cabelo crespo e pequeno, sem perder oportunidade Geny ofereceu um cabelo longo no visual de origem e viu que a moda pegou, logo após surgiu a ideia de criar um salão especializado no estilo afro.

Preocupada com o profissionalismo dos filhos por escolherem a mesma carreira, Geny Moreira enfatizou que se especializassem em todos os penteados, que não importasse se era preto, branco, mulato, pardo e outros. Assim os profissionais não teriam apenas um padrão a oferecer a sociedade rondoniense independente da cor, raça ou estilo; foi daí que surgiu a ideia do trocadilho ao fundarem o salão “BlackWithe” — Preto e Branco, todos tem o poder de escolha e despojar um visual com look afro.

Fonte: Assessoria/Mique Fonseca

Deixe seu comentário